das trivialidades



olha, o arrastão é que afinal nunca existiu

Sem comentários: